Nota de falecimento - Rev. Samuel Shinobu Mori

"Em ti confiará quem conhece teu nome, porque tu, Senhor, nunca abandonaste quem te busca" (Sl 9,10)

Com pesar, informamos que o Venerável Arcediago Rev. Samuel Shinobu Mori faleceu nesta manhã do dia 19 de fevereiro de 2022 no hospital de sua cidade, Guaraçaí, SP.


Rev. Mori nasceu no dia 19 de janeiro de 1929 e seu chamado ao ministério ordenado começou com um pedido do Bispo Elliot Sorge e do Rev. Harry Hansen, então pároco da Paróquia de Santo André, Pereira Barreto, para ser o próximo a assumir aquela paróquia.


Assim, foi ordenado diácono em 1976 e presbítero em 1977.


Recebeu instruções da Irmã Chiyo (Eunice) Okanoue, do Convento Nazaré de Tóquio, que na época servia em Araçatuba, e passou um tempo no Japão, onde fez uma formação.


Serviu a Deus não somente em Pereira Barreto mas passou metade de sua vida servindo em várias localidades do Arcediagado da Noroeste da DASP, sendo seu primeiro arcediago.

Com um automóvel ofertado pelo Convento Nazaré, percorria a vasta região, celebrando com as comunidades e visitando as pessoas. Rodando pelas estradas, chegou a visitar pessoas e missões no Paraná, Rio Grande do Sul e até no Pará.


Em 1992 começou a celebrar uma vez por mês com a comunidade de língua japonesa da Catedral de São Tiago, Curitiba, trabalho que continuou por 20 anos, até ficar impossibilitado por problemas de saúde.


Segundo o próprio reverendo, “Lembro com saudades de tudo o que fiz com o carro doado, viajando por milhares de quilômetros para lugares bem longínquos desse Brasil, por vários e vários dias. Graças a esse carro, por 40 anos pude visitar nos fins de semana as igrejas de Araçatuba (80 km), Pereira Barreto (70 km) e Guaimbê (24 km). Hoje sinto que este caminho tinha sido preparado para mim desde quando eu era criança.”


Nos últimos anos, Rev. Mori sofria de herpes-zoster e mais recentemente, de outros problemas de saúde, resultando em fragilidades, mas continuava cuidando da Comunidade Shinsei, onde morava com sua esposa e algumas famílias.


Tinha 93 anos. Deixa a esposa Sra. Nobuko Mori, os filhos e filhas Vera Megumi Mori Kida, Marcos Hisashi Mori, Ana Sakae Mori Nagata, Saulo Takeshi Mori e Luiza Shizuca Mori Suzuki, 8 netos, 1 neta e 1 bisneto. Está para nascer um outro bisneto.


Nossas orações por toda a família e nossa gratidão a Deus pelo abnegado trabalho pastoral e exemplo de vida do Rev. Shinobu Mori para todos nós.

8 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo